Deal flow: a metodologia que revela o futuro das metas da sua empresa

Hoje, viemos falar que você pode, sim, prever o futuro, basta entender o que é deal flow. Não estamos falando de um carro como do filme De Volta para o Futuro, calma! Mas esta metodologia certamente fará você bater metas e alcançar a tão sonhada previsibilidade.

Já alertamos: é possível encontrar esse termo escrito de duas formas. Deal flow, a maneira que vamos citar ao longo do material, e dealflow. Ambas estão corretas e tem o mesmo significado.

Se deseja um guia para o processo de inbound e outbound marketing da sua empresa, você está no lugar certo! Com o deal flow você saberá se a meta estabelecida é alcançável e quanto precisa correr para atingi-la.

Vamos lá?

Deal Flow: a bola de cristal que sua empresa precisa

Deal Flow

Nós sabemos que existem meses extremamente difíceis para equipes de marketing e vendas. Quando faltam poucos dias para o fechamento do mês, todos ficam em uma correria absurda para atingir seu objetivo.

Sabia que não precisa mais ser assim

Claro, rotinas agitadas sempre irão existir. Porém, é possível saber — antes mesmo dos últimos dias do mês — qual o tamanho do esforço que você e toda sua equipe terão que fazer para alcançar a meta.

Pode falar pra gente. Isso já seria um avanço muito grande, não?

Esse é exatamente o objetivo do deal flow: estimar os esforços que serão necessários para atingir a meta da empresa. Ele, antes de tudo, analisa todo o processo e funil de vendas.

Como? Vamos ilustrar o funil de vendas em Y para deixar mais claro para você.

Quando o gerente, CEO ou até mesmo líderes impõem uma meta um pouquinho maior, não é uma tarefa tão simples. Afinal, quantos leads precisam chegar até o seu funil para, de fato, serem convertidos em vendas?

Quer aumentar as metas? O deal flow vai te ajudar nessa decisão e dizer o quão distante você estará do objetivo.

Taxas de conversão nas etapas do funil de vendas

Como falamos, para saber o quão distante está de uma meta ou para aumentar esse número, é preciso fazer um análise um pouco mais complexa.

Para conseguir chegar em uma conclusão, você deve considerar os números de conversão de todas fases do processo.

Ao mudar o objetivo do seu time e não estudar o processo de compra inteiro, a meta dificilmente será alcançada. Isso pode ser uma grande frustração para equipe.

E desmotivar colaboradores pode interferir diretamente nos resultados obtidos por sua empresa. E isso está longe de ser nossa intenção com o deal flow.

Vamos levar em consideração que, em determinado período, 100 leads foram conectados e entraram no seu funil em Y.

Deste número, 20% — ou 20 leads — são qualificados e tornam-se MQL (Marketing Qualified Leads). Ou seja, eles já possuem um bom repertório de informações e já foram qualificados o bastante.

Na sequência, dos 20 leads classificados como MQL, 50%, ou seja, 10 leads, avançam e são identificados como SQL (Sales Qualified Leads).

E o que isso quer dizer?

São contatos mais inclinados a uma aquisição, isto é, estão prontos para uma proposta. Chegou a hora do seu time comercial entrar em ação!

Vale destacar que esse número é o ideal nessa transição de MQL para SQL. Se estiver muito diferente disso, a possibilidade de existir um desalinhamento entre marketing e vendas é muito grande.

A próxima etapa é a última, quando o SQL vira, de fato, um cliente da sua empresa. Ansioso para saber quantos irão seguir no funil?

Dos 10 leads que continuam com você, 25% serão consumidores do seu produto ou serviço. Ou seja, 2,5 leads serão convertidos em clientes no final de todo o processo do seu funil em Y.

Resumindo: se quiser aumentar a meta em apenas 3 vendas, lembre-se que é preciso atrair um pouco mais de 100 leads para o funil de vendas do seu negócio.

Ah, sempre leve em consideração o ciclo de vendas da sua empresa. Isto é, se o seu produto leva um tempo maior para ser vendido, esse resultado certamente levará mais tempo para ser atingido.

Trata-se de uma tarefa muito desafiadora para os times de marketing e vendas. Como falamos, se não houver um alinhamento perfeito entre esses setores, o resultado não será positivo.

Por isso, trouxemos um presente para você. Um e-book gratuito que mostrará todos os sintomas que equipes de marketing e vendas apresentam quando não há sintonia nas estratégias.

São pontos fáceis de identificar e apontamos quais são as soluções para estes problemas. Baixe agora e dê um UP nos seus resultados!

Alinhamento marketing e vendas


Posts Relacionados

Deixe um comentário