Parâmetros UTM: a estratégia para ter informações valiosas sobre os visitantes do seu site

O marketing digital tem algumas premissas básicas, sendo a análise de dados a mais importante delas. Os parâmetros UTM, por exemplo, permitem que você identifique de onde vêm os cliques do seu site.

O monitoramento é importante pois ajuda a direcionar de forma assertiva as suas ações e investimentos em campanhas.

O que são parâmetros UTM?

A sigla UTM significa Urchin Tracking Module, ou seja, códigos de monitoramento adicionados ao final das URLs para identificar de onde está vindo o tráfego de uma determinada página.

Esses códigos podem ser utilizados em diversos tipos de campanhas e canais. É possível inserir um ou mais parâmetros UTM em posts de Facebook, Instagram, Twitter, e-mails marketing, banners, entre outros. 

O monitoramento torna possível saber exatamente qual rede ou campanha está performando melhor e qual é o canal mais adequado para investir.

Por exemplo: temos parâmetros UTM aplicados em banners e em e-mails. Com a análise, foi observado que muitas visitas ao site têm acontecido por causa dos cliques na CTA dos e-mails.

Isso quer dizer que os links dos banners não estão gerando resultados. Sendo assim, os esforços podem ser destinados à produção de e-mails para aumentar os resultados.

Colocando a mão na massa: passo a passo para criar seus códigos UTM

Os códigos UTM podem ser criados de forma manual por meio do Criador de URL do Google, por exemplo, ou com a ajuda de ferramentas que tornam esse processo mais fácil, como o Google Analytics. 

Usando o Google Analytics, você só precisa conectar seu site à ferramenta. A partir disso, todas as informações de rastreamento irão aparecer no dashboard. Faça o caminho Aquisição > Todo o tráfego > Origem/mídia.

Para criar URLs personalizadas para os parâmetros UTM utilizando o Criador de URL do Google, você precisa preencher uma espécie de formulário. Cada campo desse formulário é referente a uma tag da sua URL.

O código UTM tem o seguinte formato: 

http://www.example.com/?utm_source=adsite&utm_medium=origem&utm_campaign=campanhadoanuncio&utm_term=palavra-chavedoanuncio

Ele começa após o símbolo “?”. Saiba o que cada tag significa:

  • URL: a URL original do seu site
  • Source: o local em que a campanha está sendo feita (Google, Facebook, etc.)
  • Medium: tipo de publicidade que está usando
  • Campaign: o nome da campanha
  • Term: a palavra-chave que está sendo utilizada

O Google leva cerca de 24h para começar a dar as primeiras informações sobre o link, que podem ser visualizadas no Analytics (Aquisição > Campanha > Todas as campanhas).

3 vantagens de usar os parâmetros UTM em sua estratégia

As estratégias de cada campanha estão diretamente ligadas aos objetivos que desejamos atingir. Por isso, existem métricas e indicadores específicos para cada um desses objetivos. Uma das vantagens dos códigos UTM é que eles podem ser usados em qualquer tipo de campanhas em diferentes canais.

Outro benefício que podemos destacar é que todas as informações vão para o Google Analytics. Isso permite que os relatórios tenham estatísticas muito bem qualificadas e detalhadas.

E por último, mas não menos importante, as URLs rastreáveis permitem que você saiba com precisão todo o trajeto que seu visitante fez para chegar até você. Isso permite que você aplique suas verbas onde realmente tem resultado, aumente sua conversão e atinja mais rápido as suas metas.

Dicas importantes:

  • Usar o encurtador de URL deixa o link mais amigável.
  • Letras maiúsculas e minúsculas são entendidas de formas diferentes nas tags. Padronize
  • Não use acentos e caracteres especiais.
  • Mantenha os nomes o mais simples e curtos possível.

Posts Relacionados

Deixe um comentário