Link Building: o que é, como fazer e por que fazer?

No curso de Inbound Marketing que aplico na São Paulo Digital School, um dos assuntos que mais geram dúvidas em SEO é como fazer link building. Os alunos muitas vezes não sabem do que se trata e por que esta prática é tão importante para conseguir um posicionamento melhor na busca orgânica.

Para começar, vamos entender um pouco do funcionamento do motor de busca do Google.

O que é link building?

Quando você faz uma busca no Google, não está de fato pesquisando na web, mas sim no índice do Google da web. Para isso, o buscador usa programas de softwares chamados indexadores, que começam fazendo uma “varredura” em algumas página da web, seguem os links que encontram nessas páginas e buscam aquelas para as quais eles direcionam, e assim sucessivamente, como uma teia que vai ampliando a cada nova página e seu universo de links, até indexar (armazenar) grande parte da web – bilhões de páginas.

Então, quando você busca um determinado tema, o software pesquisa nesse índice, para encontrar toda página que inclua os termos da sua pesquisa. A maioria das vezes será centenas de milhares de resultados possíveis para a sua busca.

Então, como o Google define quais as páginas são mais relevantes para sua busca? Qual deve aparecer em primeiro lugar na sua pesquisa, e em segundo e em terceiro… Isso é definido pelo tal do ALGORITMO do Google. E antes que você entre em pânico com essa palavra, eu “traduzirei” em miúdos.

Algoritmo é como está programado o software indexador. É como se ao fazer uma busca que gere milhares de resultados, o Google fizesse uma sabatina em cada uma das páginas para ver quem é a mais adequada. Com uma série de mais de 200 perguntas, o software “interroga” cada uma das páginas encontradas e dá nota final para elas. E assim como em um vestibular, quanto maior a nota, melhor a classificação de cada um.

As “perguntas” feitas para as páginas têm pesos diferentes e são, por exemplo, assim:

  • A página possui a palavra-chave pesquisada?
  • Em que quantidade essas palavras aparecem?
  • Os termos da pesquisa feita aparecem no título, na URL ou em tópicos de destaque?
  • Existe sinônimos das palavras-chave procuradas?
  • Essa página é de um site de qualidade alta ou baixa?
  • Qual é o PageRank da página?

E essa última pergunta é bem importante e definitiva no resultado. Ou seja, tem um peso bastante grande para a nota final e classificação da página. E aqui chegamos ao ponto que eu queria.

O PageRank é uma fórmula criada pelos dos fundadores do Google, o Larry Page e o Sergey Brin, e o objetivo dela é avaliar a importância da página analisando quantos links externos direcionam para ela e a importância desses links.

Então, aqui entram mais algumas perguntas:

  • Quantas outras páginas indexadas têm um link que direciona para a página em análise?
  • Essas outras páginas têm qualidade? São páginas relevantes também?
  • O site onde estão esses links são de alta qualidade?
  • Tem algo suspeito nesses links?

E para esses links dá-se o nome de Backlink.

Agora fica fácil entender o que é link building:

Como fazer link building?

Antes de saber como fazer, quero falar de como NÃO fazer. O grande erro é focar em ganhar links de qualquer maneira, em qualquer lugar e a qualquer preço.

Comprar espaço em outros sites, pagar blogueiros para divulgar links ou fazer “permutas” viola as diretrizes do Google, que construiu um algoritmo tão inteligente que consegue identificar quando há links destinados a manipular o PageRank.

Veja detalhes do PageRank neste link.

Nesses casos, em vezes de gerar mais autoridade e melhorar a classificação, a página é penalizada e perde, e muito, sua nota de PageRank.

Agora que você já sabe que não vai adiantar truques, vamos entender como fazer da maneira correta:

É preciso que sua página seja compartilhada ou mencionada pelo maior número de pessoas. Isso pode ser nas redes sociais ou em outras páginas de alta qualidade na web. Para isso, sua primeira preocupação tem que ser em produzir conteúdo extremamente interessante, que vai chamar a atenção de muita gente de verdade. Depois em ter um ótimo trabalho com a gestão das suas redes sociais, onde seus links irão começar a se espalhar, e por fim, mas não menos importante, você precisará fazer um trabalho de assessoria de imprensa, para buscar páginas relevantes, construir um relacionamento profissional e divulgar seu conteúdo em sites com PageRank alto.

1. Produção de Conteúdo Estratégico

Você pode chamar de Marketing de Conteúdo ou conteúdo estratégico, mas não deixe de investir nessa ação que é, sem dúvida, a melhor estratégia de fortalecimento da marca, atração de visitantes e link building possível. Ao construir conteúdo que seja interessante para sua audiência, você atrai muito mais visitantes, e naturalmente muito mais usuários nas redes sociais irão compartilhar seu link ou, quem sabe, até em outro sites, como “fonte”.

Então, a regra de ouro aqui é:

Crie conteúdo que tenha uma forte relação com o seu negócio e que seu público queira ver – dessa forma, ele irá compartilhar e gerar backlinks para você.

Para isso, saiba quem é seu potencial-cliente e o que ele quer/precisa saber. A partir desses dados, faça um plano editorial e comece a produzir o conteúdo.

Lembre-se de que esse conteúdo não precisa necessariamente ser um artigo em blog. Podem ser também infográficos, vídeos, lista de produtos… Teste o melhor formato para seu público, faça uma pesquisa de palavras-chave e analise constantemente seus resultados.

2. Gestão de Mídias Sociais

A próxima etapa para sua estratégia para link building é estar presente de forma consistente nas redes sociais. Mas calma, você não precisa começar a criar perfis em TODAS as redes, além de ser trabalhoso — e portanto caro — manter todos os canais atualizados não é a solução. Você precisa estar onde sua audiência está, e não onde a “moda” diz que é “cool”.

Então a regra de outro aqui é:

Escolha poucos canais, porém onde seu potencial cliente está, produza conteúdo informativo, divulgue e interaja com o público.

Para isso, evite falar apenas sobre produtos ou ter um discurso de venda, entenda definitivamente que sua rede social serve para aproximar o público ao conteúdo que você está produzindo. Ser interessante para a sua audiência é falar aquilo que eles querem saber, e não o que você deseja que eles saibam. Mostre seu know-how no mercado em que atua por meio de divulgação de artigos úteis e um bom relacionamento. Trabalhe com o foco em atrair visitantes para o seu site.

3. Assessoria de Imprensa

Por último, mas nem de longe menos importante, uma vez que você tenha um ótimo conteúdo, e já esteja atraindo visitantes que compartilham seu conteúdo, é hora de ampliar os horizontes e alcançar metas mais ousadas. Conseguir divulgar seu material em portais de comunicação de alta repercussão e aumentar exponencialmente sua visibilidade e PageRank.

Isso exige um trabalho ainda mais elaborado para ganhar espaço em outros sites, pois você não está apenas atraindo pessoas interessadas em seu mercado, mas precisará conquistar jornalistas com matérias que se tornem oportunidade e pauta dentro dos portais.

Então, a regra de ouro aqui é:

Não inicie esse trabalho imediatamente em suas primeiras publicações. Ganhe um pouco de experiência, conquiste espaço e fortaleça sua autoridade. Dê esse passo com mais segurança, e veja quais os temas geraram mais visualizações. A partir daí, você conseguirá ter um “norte” para construir matérias ainda mais ricas, e com capacidade de provocar o interesse dos jornalistas especializados.

O que o assessor de imprensa fará é encontrar os principais canais (portais) para o seu mercado e entrar em contato com cada um deles oferecendo matérias (links) que foram produzidos. Não, não é uma tarefa simples conquistar esse espaço, mas é muito valioso cada backlink que conseguir.

Considerações finais

Como pode ver, não há uma fórmula mágica e imediata para alavancar o PageRank e alcançar as primeiras posições no Google. E quem tenta “trapacear” fatalmente acaba sendo penalizado e perdendo muitas posições.

Este é um trabalho que precisa ser encarado com seriedade, buscando resultados de médio / longo prazo e baseado em um estratégia bem formatada de SEO, com metas, objetivos e KPIs.

  • Se tiver alguma dúvida, deixe nos comentários para que possa tentar ajudá-lo.
  • Ou me conta, o que acha do processo de link building?
  • Quais são as dificuldade da sua empresa para alcançar posições no Google?
  • Tem um case de sucesso, compartilha conosco!

Se precisar de ajuda, aqui estão alguns serviços da Layer Up para sua empresa:

Inbound marketing

Desde 2006 o inbound marketing tem sido o método mais eficaz – e de baixo custo – para atrair e fidelizar clientes.

Gestão de redes sociais

É fundamental estar presente nas redes sociais, relacionando-se com seus consumidores, para que eles se lembrem de você sempre que precisarem de seus serviços ou produtos.

Produção de conteúdo

Sua empresa irá ganhar visibilidade e legitimidade, tornando-se referência para seu público e alcançando mais clientes.

Consultoria estratégica

Uma das maiores causas de falência das empresas é a falta de planejamento e a erros na administração

Desenvolvimento de sites e blogs

Atualmente é fundamental para qualquer empresa ter um website e construir sua presença digital.

Leia também:
CONHEÇA TODAS AS FERRAMENTAS DO GOOGLE WEBMASTER TOOLS
+ COMO PRODUZIR CONTEÚDO PARA CADA PERFIL DE CONSUMIDOR
FACEBOOK GERA MAIS TRÁFEGO PARA OS SITES QUE GOOGLE


Posts Relacionados

Deixe um comentário